Quais as vantagens da Anestesia Inalatória Veterinária?


Ao ouvir falar de anestesia, é comum associarmos apenas com a anestesia injetável, tanto falando de humanos quanto falando de pets, certo? E se houvesse uma maneira mais simples de anestesiar o seu animalzinho para uma intervenção cirúrgica, com menos stress, mais segurança e controle? Conheça a anestesia inalatória: a melhor solução para procedimentos no seu pet!

Meu pet precisa mesmo de anestesia?

Necessária em cirurgias e em alguns tipos de exames e tratamentos, a anestesia veterinária pode fazer gelar o coração da maioria dos tutores de cães e gatos, principalmente quando se trata de um animal idoso ou de um procedimento mais arriscado, e não é para menos: afinal, a anestesia é um procedimento delicado que frequentemente antecede uma intervenção em um momento crítico na saúde do seu animal - e assim como nos humanos, o risco de reação é baixo, mas existe.

Durante muito tempo, administrar medicamentos anestésicos nos pets por via intramuscular ou intravenosa era a única opção possível, mas graças às pesquisas e desenvolvimentos na área, podemos comemorar uma técnica revolucionária, eficaz e muito mais segura para o seu pet: a anestesia inalatória!

 

Quais os benefícios da anestesia inalatória?

Diferentemente da tradicional, a anestesia inalatória não precisa ser metabolizada para agir, e começa a fazer efeito através da simples inalação do medicamento administrado. Além de apresentar absorção e recuperação mais rápidas que a injetável, a anestesia inalatória apresenta uma série de benefícios que contribuem para a sua tranquilidade em um momento delicado da saúde do seu cão ou gato:

 

  • É seguro para qualquer animal, em qualquer idade;
  • Quando o seu pet é anestesiado por inalação, o profissional anestesista administra constantemente o oxigênio durante todo o procedimento;
  • Durante a administração da anestesia inalatória, o monitoramento da temperatura, pressão arterial e batimentos cardíacos do pet é constante, feita por um profissional especializado através de um monitor, o que ajuda a definir a quantidade necessária para controlar a dor durante e após a cirurgia, além de manter o seu animal sob uma observação segura e prevenindo uma apneia fatal (que pode acontecer com a anestesia injetável);
  • Graças ao monitoramento, o reconhecimento de uma possível complicação durante a cirurgia é muito mais rápido, dando mais chances de sobrevivência ao seu pet;
  • A anestesia inalatória ainda permite ventilação mecânica caso necessário;
  • Por não ser metabolizado pelo organismo, o medicamento administrado neste método não sobrecarrega fígado e rins;
  • Muito mais seguros para pets com problemas cardíacos, idosos, obesos e com histórico médico, pois todo o monitoramento e administração de oxigênio previne uma sobrecarga cardiorrespiratória.




Como essa anestesia é administrada no pet?

Como preparação antes da anestesia, o histórico de saúde do seu pet será analisado pelo veterinário, bem como um hemograma completo, e os exames químicos que avaliam as condições do rim, fígado e pâncreas: para assegurar o melhor resultado, o profissional responsável estabelece o protocolo de anestesia mais indicado para o seu animal e controla a situação durante todo o tempo, garantindo muito mais segurança durante o procedimento.

A anestesia inalatória é ministrada através de um inalador apropriado para o seu pet: assim que ele perde a consciência, um tubo endotraqueal é introduzido para continuar liberando o anestésico misturado ao oxigênio e outros gases: se porventura o movimento de respiração acabar reprimido, este tubo fixado na traqueia do seu pet vai permitir que o veterinário anestesista mantenha e controle a respiração do seu cão ou gato. Concluído o procedimento no pet, a concentração do anestésico administrado será reduzida e o seu animalzinho vai se recuperar gradativamente dela: assim que os reflexos de deglutição voltam ao normal, o tubo endotraqueal é removido e o seu pet continua sendo monitorado até sua plena recuperação. Por ser administrada no seu cãozinho ou gato por via respiratória, esse método de anestesia é muito mais tranquilo e sem stress para o seu pet, tornando todo o procedimento desde a inalação até a recuperação muito mais seguro!

 

 

Custo x benefício

Considerando a aparelhagem necessária para administrar a anestesia inalatória no seu pet, ela apresenta um custo um pouco mais alto em comparação à injetável - mas quando você considera todos os benefícios associados, como o monitoramento e o nível de segurança deste método, não restam dúvidas: o custo-benefício da anestesia inalatória vale muito a pena, e por isso é o método adotado no Império dos Animais! Quando um procedimento demanda anestesia, o seu pet recebe todas as atenções necessárias: desde a elaboração do protocolo de anestesia até o fim da sua aplicação, o seu cão ou gato é monitorado constantemente por uma médica anestesista especializada, enquanto outro médico veterinário realiza a intervenção, aumentando exponencialmente as chances de sucesso e de uma recuperação mais rápida para o seu pet! Se o seu cãozinho ou gato vai precisar de anestesia para um procedimento conosco, fique tranquila: ele vai receber todos os cuidados para voltar para você feliz e saudável!



Está na hora de uma checagem de rotina no seu pet? Agende uma consulta e traga o seu melhor amigo para cuidar da saúde!